02/09/2009


11 comentários:

  1. Infelizmente na lista de partidos falta ai a CDU que também teve responsabilidades.

    ResponderEliminar
  2. Grande artigo. Muito bom, um excelente trabalho de memória para quem está indeciso, ou não conhece bem a nossa cidade. Infelizmente, fazer um traço de alto abaixo no boletim de voto não é uma novidade para mim... Reconheço q devo ser mais interventivo civicamente e q a nossa cidade merece mais mobilização, porque não somos um mero bairro e porque a freguesia já tem economia e vida própria. O nosso concelho e a nossa freguesia necessitam de forças locais para se desenvolver com maior sustentabilidade. Nestas eleições ainda não, mas em 2013 espero q os cidadãos se organizem. Terei todo o gosto em dar o meu contributo. Mais uma vez, grande artigo Nico.

    ResponderEliminar
  3. João Paulo Gonçalves3 de setembro de 2009 às 12:39

    Excelente artigo! Concordo com todas as questões colocadas e fico até envergonhado pelo estado a que chegou a terra em que vivemos.
    O problema é só um: alguém terá de ser Presidente de Câmara, alguém terá de ser Presidente da Junta, alguém terá de ter pelouros na Câmara e na Junta!
    Por mim o ideal seria todos os eleitores votarem em branco, mas como isso é inviável teremos de votar em alguém. Podemos votar no "contra", partidos como o BE que façam barulho e virem tudo de pernas para o ar. Mas esses não conseguem ganhar. Quem ganha são sempre os mesmos: PSD e PS, os tais que deixaram isto chegar ao ponto a que chegou. A maioria dos eleitores são sempre uns "carneirinhos" que são levados a votar sempre nos mesmos sem porem sequer em questão metade das perguntas aqui deixadas pelo Hugo.
    Ora como quem ganha são sempre os mesmos e como do actual Presidente já se sabe "o que a casa gasta", só nos resta ter ESPERANÇA que apareça alguém que ponha um pouco de lado o seu partido e pense primeiro que tudo nas populações que vai servir.
    E como a esperança é a última coisa a morrer...

    ResponderEliminar
  4. Amigos
    Digam o que disserem mas só não vê quem não quer ver.
    Eu vivi 10 anos no Seixal onde as forças autárquicas têm a mesma côr há 30 anos (+/-).
    Há cerca de 4 anos vim morar para Mem Martins.
    Hoje, quando me falam em autarquias e defesa das populações e nos interesses políticos, etc etc dá-me vontade de emigrar.
    Sinceramente, e porque acho que em receitas a Câmara de Sintra deve ser a que mais recebe no País, basta olhar à nossa volta e seja em que parte do concelho se olhe... e estamos em presença, aqui sim, de um autêntico deserto. De condições de vida, de urbanismo, de zonas verdes, de locais desportivos, de segurança, etc etc
    Por isso, há que votar no PS ou no PSD. Somos pródigos em querer mais do mesmo e a queixarmo-nos depois mais 4 anos.

    ResponderEliminar
  5. Concordo com tudo e partilho da mesma revolta. Mas infelizmente não vejo soluções. Há demasiada gente desinteressada, principalmente de quem cá vive. Quem se candidata à Câmara, com mais ou menos conhecimento da Linha de Sintra, com mais ou menos vontade, a verdade é que no fim do dia vão para as suas vivendas em bairros nobres, portanto não têm que lidar directamente com muito do que falamos aqui.

    ResponderEliminar
  6. É verdade. Sintra necessita de uma organização de pessoas com iniciativa, coragem, sem interesses com os poderes instituídos.

    O que acho mais interessante é os defensores de Ana Gomes, acusarem Fernando Seara de má gestão...
    Será que essas pessoas já se esqueceram que o PS pertenceu á gestão autárquica durante anos, juntamente com Fernando Seara...

    É o habitual nojo politico...

    ResponderEliminar
  7. As perguntas são pertinentes e desafiam.
    A mim desafiam-me a agir, a intervir.

    Acredito que a solução é não mais não menos, do que a intervenção de todos.

    Podemos juntos mudar a nossa casa, o nosso bairro, a nossa vila? Acredito que sim.

    Trabalho como voluntário numa organização sem fins lucrativos em Mem Martins - ser alternativa, ao pé do bairro são josé, e já vi famílias transformadas, apoiadas. Acredito que cada um ajudando, podemos tornar mem martins jeitoso. Tenho algumas ideias :) e de certeza que os leitores também! Vamos avançar!!

    ResponderEliminar
  8. Os erros do passado e as eleições q se aproximam, podem ser determinantes para o arranque uma sociedade de requalificação urbana em Algueirão/Mem-Martins/Mercês. É uma promessa de meados dos anos 90, mas só agora com pés e pernas para andar. Ainda está por decidir, mas Fernando Seara tem estado a fazer esforços para que isso aconteça... São de facto esforços... Mas há uma motivação directa da presidência do município para que esta sociedade se torne realidade. Mais uma vez, não faço nenhuma indicação de voto e lamento q não haja uma organização cívica/politica local (em que a esquerda e a direita sejam a nossa qualidade de vida) que se bata pelo desenvolvimento sustentado e futuro da nossa freguesia e comunidade.

    ResponderEliminar
  9. Requalificação....hahaha que piada. A mim construiram me um supermercado nas traseiras de casa há um mês um dois.

    Esse palerma do seara devia era ter vergonha.

    E nem quero falar das promessas que não cumpriu em dois mandatos.

    E mantenham-se atentos à serra da Carregueira que daqui por uns poucos aninhos vai estar cheia de betão eles já andem aí a mexer baixinho.

    Metem me todos nojo.

    ResponderEliminar
  10. Concordo. Com todo o meu apoio.

    ResponderEliminar
  11. Requalificação? Nem a defender os meus interesses ao protestar com as construções que fizeram ao pé da minha casa quiseram saber, e construiram de qualquer forma. Quanto mais requalificação... Esta freguesia está toda destruída, graças ao lixo humano armado em construtores civis e não só, que dominam e corromp€m. Isto não tem solução, o que chamam de "requalificar" é basicamente tentar disfarçar a porcaria que vai sempre ficar como nódoa, e por muito esforço que se faça, ou deitam abaixo muita coisa (irreal, utópico) ou gastam dinheiro a tentar camuflar o que já está mal feito... O mal já está feito e não vai ficar resolvido, apenas atenuado na melhor das hipóteses.

    A última frase dessa mensagem sintetisa muito bem o sentimento que tenho quanto aos lideres do concelho para turistas de fora e para ratazanas de gaiola que cá habitam e assim são tratados há mais de duas décadas. Até acreditar nalguma coisa tenho de ver melhorias. Por isso, vou votar em ninguém, que é quem me representa melhor, que é o que os srs. da CMS me consideram.

    Agora "contento-me" a ver moradias a dar lugares a prédios foleiros em zonas críticas como a estação, drogados a tentar assaltar a minha viatura, carros estacionados por todo o lado à porta de casa, construções autorizadas em qualquer lado de qualquer maneira e feitio inclusivé em cima de linhas de água... Queixas que são feitas e ninguém faz nada, ainda permitam que se piore.

    Já um vizinho que mora a 50m e que deixa o BMW todos os dias estacionado em cima do passeio obrigando por vezes as pessoas a circular na estrada, apresentou queixa por causa do arbusto que saía por cima da grade do muro para fora da propriedade e veio de imediato um fiscal ameaçar com multa e uma carta assinada por 4 entidades camarárias diferentes.
    Também a vizinha ameaçou queixa com o estatuto de ser trabalhadora na CMS um conhecido por cortar esses mesmos ramos dias depois da queixa anterior, e colocar pontualmente em cima de um canteiro desarranjado que funciona como cagatório canino até a viatura da câmara vir recolher, simplesmente para não deixar em cima do passeio que já não é largo...

    Queixas deste tipo resolvem-se com uma eficácia brutal, principalmente quando envolve multa ao cidadão. Até dava razão às queixas, se não fossem feitas de forma parva. Mas depois de ver a porcaria muito maior que permitem e autorizam mesmo contra a vontade dos cidadãos e sem sequer lhes pedir nenhum tipo de opinião, simplesmente por causa de €€€€, repugna-me.

    ResponderEliminar