30/05/2012

Faleceu o Padre Suzano

 

Faleceu o Padre Suzano! 
 
O segundo prior da paroquia do Algueirão!
O Funeral será amanhã, dia 31 de Maio, pelas 12h00 em Turquel - Benedita.

O seu corpo foi encontrado sem vida e segundo uma primeira observação médica, terá falecido há pelo menos 2 semanas.

Padre Suzano na Igreja do Algueirão - 1978
(no meu baptizado)



Noticia Jornal Noticias (clica)
Um idoso que vivia sozinho foi, esta terça-feira, encontrado morto em casa na localidade da Ota, concelho de Alenquer, disse fonte da GNR, adiantando que o corpo estava em "avançado estado de decomposição".
A mesma fonte indicou à agência Lusa que, depois de ter sido alertada por populares, a GNR entrou na casa do idoso, um padre de 79 anos que vivia sozinho e que já não era visto pela vizinhança há algum tempo.
No interior da residência, as autoridades policiais depararam-se com o idoso falecido e o seu corpo já em "avançado estado de decomposição", o que leva as autoridades a supor que estaria morto há já vários meses.









Em cima, uma foto do Padre Suzano durante o meu baptizado, na Igreja do Algueirão, em 1978.


...foi sem duvida uma referência para a freguesia, que certamente terá marcado bons e maus momentos de muita gente nesta terra... casamentos, baptizados, funerais, etc...


Foi Pároco nesta paróquia durante 16 anos, de 21 de Setembro 1970 a 16 Agosto de 1986


3 comentários:

  1. António Manuel de Vasconcellos31 de maio de 2012 às 19:01

    Lamento profundamente a morte do padre Suzano, uma figura emblemática da paróquia Algueirão. Conheci-o em 1976 quando vim em definitivo para o Algueirão, depois de viver a espaços entre Setúbal e esta terra. Na altura íamos todos à missa e este homem era já naquele tempo um ícone, movia multidões, a igreja era pequena para tanta gente.

    Também lamento o facto do ser maior Suzano ter morrido só e sem apoio.
    E por último, nunca esquecerei as razões pelas quais tão emblemática pessoa foi corrida da igreja do Algueirão e foi desterrada para os Açores. As meninas, mulheres, que hoje estão de boa saúde e que tão mal lhe fizeram, deviam chorar a sua morte como Maria Magdalena chorou a morte do bom Cristo.

    Até qualquer dia Padre Suzano

    ResponderEliminar
  2. João Carlos de Abreu Ribeiro8 de janeiro de 2015 às 00:24

    Por curiosidade, tentar na internet saber do paradeiro do Padre Susano, que me fez a 1ª Comunhão e qual não é o meu lamento e localizo logo uma noticia que dava conta da sua morte. Pelo homem que nos marcou muito numa fase muito importante das nossas vidas um obrigado ao Padre Susano. Que descanse em paz e até um dia.

    ResponderEliminar