09/05/2010

Apelo do Mem Martins Sport Clube

















Caro, sócio, simpatizante, adepto do futebol ou simplesmente cidadão da Freguesia de Algueirão-Mem Martins, colabore conosco enviando este Post aos seus amigos.

Freguesia de Algueirão-Mem Martins: 102.000 habitantes (2004) - 1 Campo Relvado (R. D. Algueirão)
Freguesia de Almargem do Bispo: 8.400 habitantes (2001) - 1 Campo Relvado (Sabuguense)
Freguesia de S. João das Lampas: 9.700 habitantes (2001) - 1 Campo Relvado (M.T.B.A)
Freguesia de Pero Pinheiro: 4.700 habitantes (2001) - 1 Campo Relvado (Pero Pinheiro)
Freguesia de Montelavar: 3.650 habitantes (2001) - 1 Campo Relvado (Montelavarenses)
Freguesia de S. Maria e S. Miguel (Sintra): 9.300 habitantes (2001) - 4 Campos Relvados ( 3 no Sintrense + 1 no Lourel)
Freguesia da Terrugem: 4.600 habtitante (2001) - 1 Campo Relvado (Vila Verde), aquando da instalação do mesmo, nem Futebol tinha.
Estes dados exemplificam o tratamento dado pela Câmara Municipal de Sintra à Freguesia de Algueirão-Mem Martins, onde para mais de 100.000 habitantes existe 1 único campo relvado, ainda por cima de pequenas dimensões.
À muitos anos que a C.M.S. promete a requalificação do Complexo Desportivo da Quinta do Recanto, mas com as desculpas mais esfarrapadas vai ano para ano adiando a mesma.
Pergunto, os impostos pagos pelos cidadãos de Algueirão-Mem Martins valem menos que o das outras freguesias?
Os nossos filhos serão não têm o mesmo direito a ter boas condições para a prática do Futebol?
Está mais que na altura do povo de Algueirão-Mem Martins se indignar.
Copie o link deste Post e envie-o a um familiar, um amigo, vamos mostrar a todos a injustiça de que somos alvo.


4 comentários:

  1. Um complexo desportivo com aquelas características, em que não falta espaço, poderia tornar-se num dos melhores do Concelho. Tem pista de Atletismo (em mau estado), um campo de jogo com boas dimensões, bancadas e um campo para Futsal nas traseiras.
    É uma pena estar no estado em que está. Não sei quem tem responsabilidades nisso mas Mem Martins merecia ter um complexo desportivo em condições e àquele não falta muito para as ter.
    Realmente, hoje me dia, qualquer terreola tem um campo relvado, Mem Martins não...

    ResponderEliminar
  2. A grande tristeza é que sendo Algueirão-mem Martins uma das maiores freguesias da Europa!!! não tem a mínima correspondência por parte da Câmara.
    Como é possível não haver um lugar para dar umas corridinhas em condições???
    Como é que é possível não haver infra-estruturas para a prática desportiva com o mínimo de condições???
    Mas o que é verdade é que o Dr. Seara continua a dizer que a Câmara gasta o dinheiro todo com as crincinhas pobres do concelho e assim continua a ganhar eleições.
    Santa tristeza de País...

    ResponderEliminar
  3. Sob o Titulo:
    Fernando Seara adora "praxar" os amigos
    (Texto original publicado na Revista Única da edição do Expresso de 06 de Março de 2010)
    O Dr. Fernando Seara diz o seguinte:
    1º - Uma vista de cortar a respiração Cabo da Roca. Onde temos consciência da nossa dimensão perante a imensidão do Atlântico. E também do nosso contributo para a História do Mundo.

    Comentário: Neste momento devemos estar concentrados é no bem estar do nosso POVO, e dar-lhe as condições minimas de SAUDE, EDUCAÇÃO, e practica DESPORTIVA. Sendo este ilustre cidadão o 1º a ter de mostrar esta preocupação para com o seus concidadãos.

    2º - Retiro favorito Estádio da Luz. Cheio. Com o Benfica a marcar golos. Muitos. E os outros, lá fora, completamente azuis. De inveja.

    Comentário: “Inveja”, temos nós das condições q são proporcionadas a outros, da região de SINTRA e q a nós nos é vedada. Dê-nos as condições minimas e nós efectuaremos um prestigiado convite para a inauguração.

    3º - Um livro imprescindível "Uma Campanha Alegre", de Eça de Queirós, que era um homem frontal, com uma coragem e audácia pouco usuais em Portugal.

    Comentário: Peço-lhe faça o mesmo connosco, tenha coragem e audácia (Impulso que leva a realizar actos difíceis ou perigosos. Insolência, ousadia, atrevimento), de nos presentear com a sua presença num dos nossos eventos de fim de semana. E de nos dizer q as condições q nos são proporcionadas são BOAS. Por exemplo no próximo sábado de manhã, venha ter connosco. Veja a cara das CRIANÇAS que nos visitam e as mesmas a perguntar aos treinadores se é ali q vão jogar, e verifiq também a cara de espanto dos PAIS das CRIANÇAS, a verificarem q estão a chegar a uma LOCALIDADE do 3º Mundo.

    4º - Filme inesquecível "Casablanca". Pode parecer clichê, mas é de facto um clássico sempre actual. Não só pela fabulosa história de amor em tempo de guerra, mas sobretudo pelas mais imprevisíveis alianças que se estabelecem em tempos de crise.

    Comentário: Venha ter connosco, e sente-se ao nosso lado, virado para o campo e imagine se não está em Marrocos, sinta o cheiro do pó no ar.

    5º - Música ou intérprete preferido Rui Veloso, pelo que tem feito pela música portuguesa e pelos momentos que a sua música me tem proporcionado. E, acima de tudo, pela sua amizade.

    Comentário: Seja nosso AMIGO. Nós deixaremos que tenha o seu nome na placa comemorativa da inauguração do RELVADO.

    6º - Um objecto de estimação Uma magnífica estátua em bronze que me ofereceu o António Antunes (cartoonista do "Expresso") e que subtilmente nos lembra que o futebol faz perder a cabeça. E faz! Mas sempre a recuperei bem fria.

    Comentário: O FUTEBOL A NÓS NÃO NOS FAZ PERDER A CABEÇA, FAZ-NOS É AJUDAR AS NOSSAS CRIANÇAS A CRESCER. SE O DR FERNANDO SEARA, NADA FIZER, É DISSO Q SE VÃO LEMBRAR NO FUTURO, O PRESIDENTE Q NADA FEZ.
    PODE ATÉ SER O SEU COGNOME (ficava bonito).

    7º - Um luxo de que gostaria de usufruir Mais tempo. Para o meu neto e para o outro que vai nascer.

    Comentário: Traga-o para junto das nossas ESCOLAS, que nós também o ajudaremos a crescer.

    8º - Personalidade que mais admira Marquês de Pombal. Pela visão, pelo resultado da reconstrução.

    Comentário: Eu também o admiro. Agora olhe para a sua janela, vê o Palácio da Vila, o da Pena, o Castelo, as Fontes, os Jardins, quem fez tudo isto já cá não está e é lembrado pela OBRA feita. Os q nada fizeram são lembrados porquê?

    9º - Um programa de TV De informação. E jogos de futebol. "Papo-os" a todos. Claro, sempre que a disponibilidade permite.

    Comentário: Venha “PAPAR” os mesmos junto de nós, sinta o calor de quem o elegeu.

    10º - Um ritual Ver a abertura de todos os noticiários da noite. Todas as noites.

    Comentário: Gostava q a num desses dias a 1ª noticia fosse a re-inauguração das infra-estruturas colocadas à disposição do MMSC.

    http://aeiou.expresso.pt/fernando-seara-adora-praxar-os-amigos=f570270#commentbox

    ResponderEliminar
  4. Bem neste sentido vou so mencionar algo de interessante.

    Tenho 24 anos, e sou estudante do ISCTE. Vivo em Mem Martins desde que nasci e quando tive 15 anos lembrei-me de ir praticar atletismo depois de passar por inumeros clubes de futebol.

    Comecei por fazer salto em comprimento na JOMA que acabei por desistir porque o meu pai viu que andava a tirar más notas na escola, mas aos 18 anos voltei e ingressei no Belenenses. Fiz lá 4 épocas, fiz parte da estafeta de 4x400m que era-mos a 3/4ª melhor de Portugal e tenho desta época 2009/2010 a 6ª melhor macar de 400m barreiras. Mas com a camisola do Sporting de Braga.
    Este ano tenho propostas para ir para o Academica de Coimbra ou até mesmo o NAC de Aveiro.

    Enfim, no meu tempo na escola de Ouressa havia muito pessoal que jogava à bola no estrela de Amadora e havia um que fazia natação no Belenenses. Eu fazia atletismo e na escola Mestre Domingos Saraiva havia quem fazia Peso no Benfica e outro 400m na JOMA.
    O que quer dizer é que somos frutos de uma fregusia onde não tem cultura nenhuma desportiva.
    Eu infelizmente, frequentei uma escola que nem sequer pavilhão desportivo tinha (até 2002) o que me impossibilitou de fazer qualquer tipo de desporto nos 5 anos que lá andei.

    Tudo aquilo que sou, foi graças a outros clubes. E hoje faço competição na região norte de Portugal como um habitante de Mem Martins, mas fruto das escolas da JOMA

    ResponderEliminar