19/05/2010

Caso "Lar Coração de Maria" . RTP - Linha da Frente

No passado domingo, no programa Linha da Frente da RTP1, falou-se da ineficácia da Justiça em Portugal. O primeiro caso apresentado, relatava as mortes no Lar Coração de Maria, em Mem Martins, uma situação ocorrida em Maio de 1999 (11 anos), e para a qual a justiça ainda não conseguiu dar resposta.



(OBS: na reportagem é feito referencia que se tratava de um Lar legal, mas pelo que sei ,não se encontrava legalizado, no entanto a Segurança Social fechava os olhos, e por não conseguir obter respostas noutros locais, colocava idoso carenciados naquele espaço)

















O espaço encontra-se praticamente abandonado e à venda. Não seria um bom local para a Feira? Um bom local par um espaço público, um jardim, uma biblioteca? A nova igreja? Será que se aguarda por mais betão para aquele espaço?

3 comentários:

  1. E com alguma revolta que vejo este trecho de recordação de uma noite que jamais irei esquecer, pois nessa noite de mais uma reunião no C.B.; penso que tenha sido São Marçal, padroeiro dos Bombeiros que esteve presente, pois consegui-se salvar imensas pessoas naquela ratoeira maldita.
    Pois todos sabiam as condições daquele Lar, TODOS; e lamentável para quem faleceu naquele bunker, e também lamentável o tempo da nossa justiça, mas é o País que temos, País esse que não se preocupa com a Educação,Saúde e Justiça.
    Quanto a aquele local ser ocupado, tenho as minhas duvidas, pois o processo da fabrica Messa, demorou 21 Anos a ser liberto, naquele caso havendo mortes, tenho algumas duvidas de se construir num futuro próximo.
    Mas será que a freguesia esta restrito a espaços escondidos, para que se resolva o problema das praças, ou o problema já estará mais que resolvido para alguns cobardes da nossa junta de freguesia.

    ResponderEliminar
  2. Julgo que para construir uma igreja ou uma biblioteca será sempre preciso despejar lá betão. Posso estar enganado mas acho que é preciso na mesma um pouco de betão.

    ResponderEliminar
  3. Quem tiver os cerca de 500 mil euros que o dono pede, pode ficar com a propriedade, segundo me disseram em tempos telefonicamente...

    CMS: Viabilidade para 5 moradias em banda...

    Abraço

    ResponderEliminar