13/02/2013

Academia da Motivação

Projecto com crianças do Casal de São José - Mem Martins

Tirar as crianças da rua e dar-lhes expectativas para as suas vidas é a filosofia subjacente à Academia da Motivação, um novo espaço lúdico-pedagógico criado, no Bairro Casal de São José, em Mem Martins, pela Associação de Fiéis Diakonia. Inserido num projecto que visa combater a exclusão social, a Academia da Motivação é uma ferramenta que pretende fomentar o sucesso escolar, através de apoio ao estudo, mas sem esquecer a vertente de ocupação de tempos livres.

A nossa filosofia é ‘Educar, Formar, Sensibilizar e Crescer Cidadão’, promovendo as competências pessoais e sociais das crianças dos 6 aos 12 anos”, explica Helena Cassapo, técnica responsável pelo Projecto de Desenvolvimento do Bairro Casal de São José, um dos primeiros aglomerados construídos ao abrigo do PER (Programa Especial de Realojamento), que não dispunha, até agora, de qualquer resposta em termos lúdico-pedagógicos.

Um equipamento que responde às necessidades da própria comunidade, em que as crianças estão entregues a si próprias. O Casal de São José é caracterizado por “famílias desfavorecidas, com baixa escolaridade, trabalhos precários, muitas vezes com dois ou mais empregos, que saem muito cedo, regressam muito tarde e as crianças não têm suporte familiar para os ajudar nos trabalhos de casa”, adianta aquela técnica, que vai contar nesta missão com uma equipa multidisciplinar de voluntários.

A Academia da Motivação divide-se em três valências: o apoio ao estudo/explicações e actividades lúdico-pedagógicas, actividades de tempos livres e os Sábados com Arte. Um conjunto de iniciativas que “vai ocupar os tempos livres das crianças e criar incentivos para que, no futuro, tenham outra perspectiva de vida e até mesmo da sociedade onde se inserem”, frisa Nuno Santos, presidente da direcção da Associação Diakonia, uma instituição particular de solidariedade social com mais de 20 anos de acção solidária.

Situado na Avenida Cândido de Oliveira n.º 6 loja A, a Academia da Motivação vai funcionar, durante a semana, com a componente de prolongamento após as aulas e a vertente lúdica, neste caso assente em cantinhos motivadores existentes nas instalações da academia. “Trabalhamos as tais competências pessoais e sociais através dos nossos cantinhos, como da horta/ /jardim, da copa, das artes, do cinema, da biblioteca e do apoio ao estudo, do desporto e da vida saudável”, sublinha Helena Cassapo.

As actividades de tempos livres vão decorrer em particular nas férias escolares, dando enfoque às iniciativas fora do bairro, “precisamente para as crianças terem contacto com outras realidades”. Aos sábados, vão ter lugar as actividades culturais e de lazer, como a formação de um grupo de teatro ou de um coro, neste caso com o apoio da cantora Mónica Sintra, madrinha do projecto, que marcou presença na inauguração da academia no passado dia 18 de Janeiro.

Com capacidade para cerca de 90 crianças, a Academia da Motivação vai “tentar colmatar o sentimento de exclusão sentido e vivido pelas crianças do nosso bairro”, resume Helena Cassapo, que acredita que “crianças motivadas são crianças felizes” e não esquece o “carinho” demonstrado por muitas entidades e empresas, que permitiram equipar os cantinhos motivadores, para além da parceria com a Câmara de Sintra e com a Junta de Freguesia de Algueirão-Mem Martins que viabilizou o aluguer das instalações.

O novo equipamento será, ainda, segundo o presidente da direcção da Diakonia, “o motor para que outras iniciativas vão surgindo porque temos noção de que não vamos conseguir abranger toda a gente, mas, se dermos o exemplo, puxaremos outras instituições a desenvolver outros projectos, para outras faixas etárias e realidades”. Para esse efeito, a Diakonia criou, em espaço adjacente nas mesmas instalações, um Gabinete de Inserção Profissional.

Sem comentários:

Enviar um comentário