14/04/2016

Antigo Salão Paroquial de Mem Martins

Agora com a Igreja de Mem Martins já inaugurada e em funcionamento, realizando um sonho da população mais desta aldeia saloia... soaram muitas criticas à obra: O edifício parece um bunker!!! a cor é horrível!!! Ali nunca há estacionamento!!! A igreja não faz falta para nada!!! Em vez de fazer 1 igreja era melhor fazer 1 jardim!!!! blá blá blá... mas com tantas criticas, acredito no respeito sobre as opções religiosas de todos...

Mas será que toda a gente que critica, e dá opinião negativas e pouco construtivas, acha que tudo deveria continuar a funcionar num barracão pouco digno para a nossa vila???

Qual a melhor solução: 'um antigo barracão de madeira' ou uma 'moderna Igreja Azul'?

3 comentários:

  1. De facto nao estou contra a construcao da Igreja e se disse-se que estava de certo me cairiam o carmo e a trindade em cima mas concordo que a cor foi muito mal escolhida .No caso do chamado barracao enquanto espera pela demolicao por nao se justificar a sua existencia poder-se -ia utiliza-lo para diversos fins tais como tempos livres para jovens,grupo senico,escola de musica,escola de danca,ajuda a desalojados ou sem abrigo,servico de apoio a populacao no preenchimento de documentos,ou ate mesmo ocupacao de tempo para idosos ,ja que o Famoso centro de dia e so para alguns devido ao custo astronomico para os idosos que tentam sobreviver com um misera reforma ou pensao.Talvez muito se pode aplicar no uso desse barracao,haja vontade e tudo se faz.

    ResponderEliminar
  2. Concordo com as opiniões de que a cor da igreja não é a mais bonita, no entanto quem frequenta a igreja sabe o que representa a cor. Está cor representa a cor do manto de Nossa Senhora, conforme explicação do nosso pároco Sr. Padre João.

    ResponderEliminar