09/07/2009

Primeiro caso de Gripe A, em Mem Martins

O primeiro caso de Gripe A, em Mem Martins, foi detectado numa criança que frequentava a Creche Sempre em Flor, na Rua da Lagoa Marinha, em São Carlos.

Aqui ficam as reportagem dos três canais de televisão, com ligações em directo do local:


RTP video

SIC

video

TVI video

Correio da Manhã8 Julho 2009

Uma criança de três anos que frequenta uma creche em Mem Martins foi diagnosticada com o vírus H1N1. As autoridades de Saúde não viram necessidade de encerrar o estabelecimento.

A criança regressou do México na semana passada e voltou para a creche na quarta-feira.
Apenas na sexta-feira a criança sentiu os primeiros sintomas. Foi-lhe diagnosticada a gripe A.
De acordo com os responsáveis pela creche, frequentada por 120 bebés e crianças, as autoridades de Saúde não viram necessidade de encerrar o estabelecimento uma vez que já tinha decorrido o prazo de 48 horas de contágio. Os responsáveis dizem que estão a fazer o controlo das temperaturas a todos os meninos.

O estabelecimento foi desinfectado no domingo e reabriu as portas esta segunda-feira. Até ao momento, volvida uma semana após o regresso da criança com o vírus H1N1 à escola, nenhuma das outras crianças apresenta qualquer sintoma.

A criança que regressou do México foi internada na sexta-feira mas entretanto já teve alta e encontra-se clinicamente estável

4 comentários:

  1. Quero dár os parabens ao Sr Delegado de Saúde!
    A Creche Sempre em Flôr fez tudo o que o dito Sr.mandou.
    O que o dito Delegado e Segurança Social se esqueceram foi de vêr a densidade dos pequenotes por sala!
    A lei refere 2m2 por criança pórem nos 24m2 são encaixadas 25 o que dá 0,96 cm2 per capita.
    120x180€=21.600€
    Depois deste comentário vou já abrir um infantário!!!!!

    ResponderEliminar
  2. Peço desculpa por uma lacuna grave no comentário anterior.
    A Creche Sempre em Flôr é uma IPSS e por essa razão acresce à quantia referida uma comparticipação monetária Estatal (impostos nossos)por cada petiz.
    Dizer mal é fácil...tenham iniciativa e abram um infantário como eu vou fazer.

    ResponderEliminar
  3. Não sei se andou a medir a área das salas da Creche Sempre em Flor e a contar as crianças que estão em cada uma delas. O que sei é que durante os 4 anos que o meu filho lá andou não tive a mais infima razão de queixa da Instituição. Tanto a nível de educadoras, pessoal auxiliar, cozinheiras, etc, foram todos excelentes. A higiene da Creche não era boa, era, e é pelo que vejo quando lá passo, excelente. Se peca por alguma coisa é por excesso de limpeza...
    Dizer mal é fácil, portanto espero que a sua futura creche seja um modelo a todos os níveis...

    João Paulo Gonçalves

    ResponderEliminar